Vivências e dicas de uma família que adora uma viagem ;)!

PA – Belém. Os parques com fauna e flora nativas que são preservados em pleno centro urbano

Vista do mirante do Mangal das GarçasBelém é considerada a metrópole com maior concentração de áreas verdes do Brasil. Temos que concordar com isso porque foi o que constatamos ao passear pelas ruas aproveitando as sombras das inúmeras Mangueiras plantadas ao longo das ruas e avenidas, das inúmeras praças e dos belos parques por onde passeamos.

Mangal das Garças

Localizado às margens do rio Guamá, em pleno centro histórico de Belém do Pará, o parque ecológico é resultado da revitalização de uma área de 40.000 m², uma síntese do ambiente amazônico no coração da capital paraense, onde se pode conhecer e desfrutar as matas de várzea, os animais da região e mais de trezentas espécies de árvores nativas plantadas. Uma natureza recriada que só vai estar pronta de fato daqui a 15 ou 20 anos

Museu no Mangal das Garças - Belém PAO local possui:

  • O Museu Amazônico da Navegação.
  • Viveiro dos Pássaros, onde o visitante tem contato direto com uma impressionante quantidade de pássaros.
  • O Farol de Belém, com 47 metros de altura, a torre-mirante do Mangal das Garças oferece dois níveis de observação.
  • O Borboletário (Reserva José Márcio Ayres), numa área de 1.400 m², que é o primeiro do gênero da região Norte e já é considerado como o maior de todo o Brasil.
  • Um belíssimo orquidiário.
  • O Criatório e Viveiro de Plantas.
  • Armazém do Tempo, onde os visitantes podem comprar plantas, artesanato, livros e CDs de artistas paraenses e é possível saborear no local um requintado serviço de café.
  • E o famoso Manjar das Garças, um dos melhores restaurantes da capital.

A entrada ao Mangal das Garças é franca, porém o estacionamento é pago, e custa o preço mínimo de R$4,00 por duas horas, sendo cobrada cada hora adicional, além disso, existem quatro áreas cuja visitação custa R$3,00 por pessoa, por área, ou R$9,00 pelo passaporte que dá acesso a todas as quatro áreas.

Restaurante Manjar das Garças - dentro do parque Mangal das Garças - Belém PAManjar das Garças

Nosso passeio pelo parque foi coroado com uma ótima refeição num dos melhores restaurantes de Belém. Além de estar inserido em uma paisagem deslumbrante, o restaurante tem detalhes em sua estrutura que conferem um charme especial. Instalado em um requintado salão de madeira todo envidraçado suspenso por troncos de ipê e com teto de palha, o restaurante tem ainda uma linda vista para a Baía do Guajará. Na área interna, embalados pela boa música MPB e jazz instrumental, é possível apreciar a instalação do belenense Acácio Sobral. Isso tudo, só enquanto aguardamos as delícias que o chef Adilson Fonseca monta, no almoço, para o bufê composto por pratos tradicionais da cozinha paraense, como o pirarucu coberto de castanha-do-pará. Provamos de tudo um pouquinho, mas o meu preferido foi o Filhote; um peixe de rio que tem a carne branca, saborosa, bem macia e sem espinhas. Não se esqueça de provar os doces feitos com as frutas da região. São deliciosos.

ONDE:

Parque e Restaurante: Praça Carneiro Rocha, s/nº – Parque Ecológico Mangal das Garças, no bairro Cidade Velha

http://www.manjardasgarcas.com.br

Passeio pelo Jardim Botânico em Belém PAJardim Botânico

Imagine uma área de 150 mil metros quadrados de mais de duas mil espécies de plantas da Amazônia, trilhas,  Orquidário e lagos com peixes da região. Tudo isso bem no meio da cidade. Imaginou?

Pos esse oásis existe e é o Bosque Rodrigues Alves, inaugurado em 1883.  Ganhou status de Jardim Botânico em julho de 2002 e com essa certificação, o Bosque entra na lista dos jardins brasileiros que integram a Botanic Gardens Conservation International (BGCI), rede mundial com 1.846 jardins em 148 países e mais de 4 milhões de coleções de plantas vivas.

As ruinas e construções de pedras foram feitas, há mais de 100 anos, para o entretenimento lúdico das crianças. Diversão garantida até hoje.

ONDE:

O Bosque Rodrigues Alves – Jardim Botânico da Amazônia (BRAJBA)

Avenida Almirante Barroso nº 2453, bairro do Marco.

Vendo uma onça bem de pertinho no Museu Emilio Goeldi em Belém PAMuseu Paraense Emílio Goeldi

O Museu Paraense Emílio Goeldi, considerado a mais antiga instituição de pesquisa da região Amazônica, foi criado em 1866 pelo naturalista Domingo Soares Ferreira Penna.

Reconhecido mundialmente como uma das mais importantes instituições de investigação científica, o museu é dividido em Parque Zoobotânico – considerado uma das principais áreas de lazer de Belém, Campus de Pesquisa e uma Estação Científica, possui coleções botânicas, zoológicas, paleontológicas, minerológicas, arqueológicas, etnográficas e bibliográficas.

O parque possui mais de 2 mil árvores de grande porte e mais de 600 animais, vários ameaçados de extinção como a onça pintada e o peixe-boi.

Reserve um tempo para curtir esse passeio porque é imperdível.

ONDE:

Avenida Magalhães Barata, 376, Nazaré, tel.: (91) 3219-3369
www.museu-goeldi.br
De terça-feira a domingo, das 9h às 17h.
Entrada: R$ 2. Gratuito para maiores de 60 anos e menores de 10 anos.

Vagão de trem que é sorveteria, no Parque da Residência - Belém PAParque da Residência

Residência oficial dos governadores do estado a partir de 1934. O lugar que presenciou grandes decisões administrativas agora é a sede da Secretaria Executiva de Cultura (SECULT)do estado do Pará.

Pelos caminhos do parque pode-se chegar à Estação Gasômetro. Uma antiga estrutura de ferro que pertenceu à Companhia de Gás do Pará e que desde 1997, depois de revitalizada, abriga um teatro com 400 lugares. Também podemos encontrar um pequeno anfiteatro, para quem quer assistir peças de teatro ou apresentações musicais ao ar livre, ou apenas sentar e aproveitar a paisagem.

Na Praça do trem, um antogo vagão da estrada de ferro Belém-Bragança, que tantas vezes transportou o governador Magalhães Barata pelo interior do estado, agora abriga uma sorveteria e permite ao visitante aproveitar o clima de “Belém-província” saboreando deliciosos sorvetes.

E o melhor da culinária pode ser encontrado no Restô do Parque. Uma variedade grande de pratos típicos e deliciosos. O restaurante é todo em ferro e vidro, permitindo aos clientes apreciarem a natureza presecada do parque.

A Sociedade Paraense de orquidófilos, criada em 1962, tem sua sede no Parque da Residência. O Orquidário do parque, com mais de 400 espécies, é símbolo da beleza exótica da região. Outra tração é o Coreto Pavilhão Frederico Rhossard, uma homenagem ao poeta paraense. E na Praça das águas, a estátua do também poeta paraense Rui Barata.

O paque é todo detalhes, desde a sua pavimentação de pedras portuguesas, suas luminárias de ferro, as estátuas de belas mulheres cobertas de tecido delicado, o palacete do início do século XX, o Coreto, o orquidário. Tudo isso, ao som de araras, periquitos e outros pássaros da região.

ONDE:

Av. Magalhães Barata, 830 (entrada principal), entre as Travessas 3 de Maio e Castelo Branco. Há também outra entrada pela Trav. 3 de Maio. Fone: (91) 3219-1221
Funciona de terça a domingo, sempre das 9 às 23 horas. Entrada franca.

O Restô do Parque funciona das 11h45min às 15h30, para o almoço e quando não há eventos, das 20 horas às 11h30, para o jantar. Fone: (91) 3229-8000

A Sorveteria Vagão funciona das 9 às 23 horas. A Butique Empório das Artes funciona das 9 às 18 horas. Fone: (91) 3219-1211

Quem leva

VERA NASCIMENTO TURISMO
Trav.Generalissimo Deodoro,877 – Galeria João e Maria sala 11
Bairro umarizal – Belém – Pará
fone/fax (91) 3212 8143 – Cel: (91) 8372 7754
nascimentovera@hotmail.com

Onde se hospedar

HOTEL REGENTE
Av. Gov. José Malcher, 485 – Belém – Pará
fone (91) 3181 5000 –  Fax: (91) 3181 5005
www.hotelregente.com.br
reserva@hregente.com.br

SOFT INN BATISTA CAMPOS
Av. Gentil Bittencourt, 85
Fone (91) 3323 7171

Onde comer

MANJAR DAS GARÇAS
Parque e Restaurante: Praça Carneiro Rocha, s/nº – Parque Ecológico Mangal das Garças
Bairro Cidade Velha
www.manjardasgarcas.com.br

POMME DOR – Restô do Parque
Av. Magalhães Barata, 830
fone (91) 3229 8000
www.pommedor.com.br

POINT DO AÇAÍ
Rua Veiga Cabral nº 450, esquina com a Tv Bom Jardim – Cidade Velha
Fone (91) 3225-4647
www.pointdoacai.net

LA PIZZERIA n’Amazônia
Rua Dr. Malcher, 15 (ao lado da igreja da Sé)
Fone (91) 3222 9962

Como chegar a Belém – Pará

De avião: Vôos diários partindo das principais capitais brasileiras para o Aeroporto Internacional de Belém/Val de Cans.
De ônibus: A empresa Transbrasiliana (http://www.transbrasiliana.com.br) tem ônibus partindo de diversas cidades do país em direção a Belém
De carro: Vindo do Sul e do Centro-Oeste, acesso pela BR-153 (Belém-Brasília) até Santa Maria do Pará; BR-316 e PA-391. Vindo do Norte, acesso pela BR-316 e PA-391

Similar posts

No Comments Yet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *