Este post inaugura uma nova categoria aqui no blog: PLANEJAMENTO

Até hoje em nossas viagens o planejamento sempre foi algo falho, meio ao acaso. Sempre que decidimos um roteiro, é em cima da hora e ele acaba indo por água abaixo porque alguma dor de dente faz a gente mudar de direção. E essa não é uma analogia. Estávamos em Socorro/SP e no feriado de 7 de setembro partimos para Campanha/MG visitar alguns parentes. De lá iriamos passar por algumas cidades históricas de Minas e depois subir,  até chegar ao norte para depois descer pelo nordeste desse nosso Brasil.

E não é que uma dor de dente fez mesmo a gente voltar pra Socorro/SP! Pois é… voltamos porque aqui em Socorro, capital paulista da aventura, tem uma infra-estrutura melhor do que Campanha/MG e já tinhamos referência, porque o Marcelo também teve problemas com o dente dele e tratamos numa excelente clínica, Multprev, com a Dra. Karana.

Já que voltamos, resolvemos que não valia a pena subir novamente. Então um novo roteiro surgiu:

De Socorro/SP iriamos para Águas de São Pedro/SP e de lá um estirão até Bonito/MS, Pantanal Sul, Pantanal Norte, e subindo…

Então, ontem a noite no FaceBook, vimos uma publicação na página Victória Motorhomes sobre a Familia na Estrada. Quando vímos a foto nós “paramos”.

Pai, mãe e duas crianças num Peugeot Box 2.8 turbo diesel, adaptado caseiramente para Motor Home. Eles estão dando uma volta ao mundo. Sairam em maio deste ano (2012) para percorrer 50 países, 5 continentes em 20 meses de viagem. Agora em Setembro passaram pelo Alasca.

Sempre tive muita insegurança em sair numa expedição dessas para o exterior, com o Gael pequeno, e precisar de um médico ou qualquer coisa parecida. Por isso estávamos inaugurando nosso MotorHome em uma viagem por “perto de casa” mesmo.

Mas depois de ver a corajosa família, olhamos um pra cara do outro e falamos: ” Chega de enrolar! Vamos logo realizar a nossa grande viagem”. E, depois de uma conversa madrugada a dentro, resolvemos que vamos começar pela América do Sul.

Sendo assim, passaremos por Águas de São Pedro – para voar de balão com a AirBrasil, porque faz tempo que estamos ensaiando esse vôo – e depois voltaremos para Florianópolis, nossa casa, para nos preparar para sair em, no máximo, dois meses em direção à Patagônia.

Então, a partir de agora, vamos dividir com vocês nossos leitores, parentes e amigos todas as nossas pesquisas, conclusões e dúvidas para compor essa nossa primeira Expedição em Família, com planejamento – hehehe.

Quem sabe essa vira uma expedição colaborativa, com todo mundo ajudando a compor nosso roteiro. Sugestões e dicas serão sempre bem vindas 😉