Vivências e dicas de uma família que adora uma viagem ;)!

PR – Foz do Iguaçu – Passeio na Usina de Itaipu

A usina hidrelétrica de Itaipu Binacional é a maior do mundo em produção de energia. É ainda referência mundial no aproveitamento de águas fluviais para a geração de eletricidade. Suas turbinas produzem 25% da energia consumida no Brasil e 95% no Paraguai.

É considerada “território neutro” de fronteira e é comparável às maiores obras do mundo em todos os tempos – como o Canal do Panamá, o Eurotúnel e a Torre Eiffel – Itaipu é a marca do engenho humano.

Controvérsias ambientais à parte, fomos conferir “a obra”.

Visita panorâmica na Usina de Itaipu

A visita é feita em ônibus da Itaipu (para visitantes particulares) ou em ônibus de turismo, para quem fizer parte de excursões e permite uma visão panorâmica da usina, a partir do mirante central, de onde se observa em destaque a barragem e o vertedouro.

Usina hidrelétrica Itaipu Binacional - filme institucionalAntes da saída é exibido um documentário sobre Itaipu, desde os cuidados com o resgate dos animais para realoca-los em área segura, passando pela construção da usina e suas ações e projetos que visam a proteção e preservação do meio ambiente.

A duração do filme é de aproximadamente 1 hora e 30 minutos.

Depois do filme, fomos encaminhados para o ônibus de dois andares onde um guia nos recebe e nos orienta. Crianças menores de dois anos não podem fazer o passeio no andar de cima do ônibus (que é descoberto). Ficamos no andar de baixo, protegidos do vento 😉

Mirante do Vertedouro

No caminho, passamos pelo Canal da Piracema (ponto incluso para quem opta por fazer o passeio ao Refúgio Biológico), que foi constuído para que os peixes possam superar os 120 metros de desnível entre o rio Paraná e a barragem, até chegar às áreas de reprodução que ficam acima do reservatório da usina.

Usina hidrelétrica Itaipu Binacional - vista de cima do vertedouroO vertedouro serve para escoar a água em excesso que chega ao reservatório durante o período de chuvas – quando o rio Paraná fica cheio. É nessa época que a parada no mirante vale o espetáculo. Mas, no dia em que fomos, o rio não estava cheio e infelizmente não vimos  o “show” do turbilhão de água –  equivalente a até 40 vezes em litros por segundo, à vazão média das Cataratas do Iguaçu – descendo a rampa de concreto rumo ao rio Paraná.

A época ideal para ver o vertedouro escoando é entre os meses de dezembro e fevereiro.

Seguimos para a próxima parada.

Mirante Central

Usina hidrelétrica Itaipu Binacional - Mirante centralÉ do mirante central que podemos contemplar a grandiosidade da barragem e o gigantesco vertedouro. O melhor horário para essa visita é pela manhã, quando o sol está à favor e as fotos saem mais bonitas.

Vale a pena também contemplar o painel em azulejos que retrata cenas marcantes da época da construção de Itaipu, composto pelo artista paranaense Poty Lazzarotto.

Se puder, reserve uma atração extra: o show de luzes na iluminação da barragem. Um complexo de refletores e luminárias faz a iluminação noturna da barragem, sincronizada com uma trilha sonora criada especialmente para o espetáculo que acontece nas noites de sexta e sábado.

Mirante da Barragem de entroncamento

É possível ainda fazer uma paradinha para fotografar na chamada cota 225, onde há a impressionante barreira de contenção das águas, construída com pedras basálticas retiradas do próprio leito do rio Paraná.

Neste passeio o visitante tem ainda a opção de fazer a Visita Combinada Usina-Ecomuseu, que inclui uma passagem pelo Ecomuseu após a usina, por conta própria, ou então a Visita Combinada Usina-Refúgio Bela Vista, que prevê dois quilômetros de caminhadas por uma trilha ecológica do Refúgio Bela Vista. 

O valor da Visita Panorâmica é de R$ 19,00. Veja mais informações no site www.turismoitaipu.com.br

Continue lendo sobre os passeios que fizemos em Foz do Iguaçu.

Ficamos hospedados no Hotel Tarobá Express. Veja nossos comentários sobre o hotel no post PR – Foz do Iguaçu – Hotel Tarobá Express. Lá você encontra também as dicas de como chegar em Foz do Iguaçu

Similar posts

No Comments Yet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *