Vivências e dicas de uma família que adora uma viagem ;)!

São Luiz do Paraitinga quer menos foliões em 2009

Infelizmente é assim…. em tempos de cuidados, economias e preocupações com recursos naturais e patrimônios históricos, as pessoas esquecem completamente do significado de respeito e civilidade quando o assunto é carnaval.

A preocupação de São Luiz do Paraitinga (SP) é mais do que justa, e a prefeitura de lá estuda medidas para limitar número de turistas que, nesse carnaval chegou a 130 mil… numa cidade de 10 mil habitantes e imóveis tombados por seu valor histórico.

Confira na matéria abaixo:

Conhecida por ser uma cidadezinha histórica e ter nos bonecos gigantes um dos atrativos do carnaval, São Luiz do Paraitinga, a 171km de São Paulo, pode deixar de fora muitos visitantes durante a folia do ano que vem. A prefeitura está preocupada com o alto número de turistas e o impacto ambiental que a presença deles tem causado. Por isso, estuda medidas restritivas. O município de 10 mil habitantes recebeu no carnaval deste ano 130 mil pessoas, 30% a mais do que em 2007.

Entre as ações, estaria o controle de ônibus e vans clandestinos. As linhas regulares, que saem de Taubaté (a 130 km de São Paulo) e de São José dos Campos (a 91 km de São Paulo), despejam por dia cerca de 10 mil turistas na cidade. “Não temos controle das outras pessoas que chegam”, diz o diretor de Turismo de São Luiz, Eduardo Coelho. Segundo ele, a quantidade de veículos é muito alta, mesmo com o pedágio cobrado – R$ 200 para os ônibus e R$ 400 para as vans.

Os carros de passeio também pagam R$ 30 por dia de permanência se estacionarem em locais públicos. “Pensamos em aumentar essa taxa para R$ 50. Quem fica em casa com garagem não paga”, conta Coelho. Cálculos da prefeitura revelam que 50% dos turistas alugam imóveis e 50% apenas passam o dia em algum momento do feriado – é o chamado público flutuante.

No limite

“O impacto positivo com o carnaval é o dinheiro (deixado na cidade). O negativo é o excesso de lixo que fica na rua e os gastos com água e luz elétrica. Há um consumo muito grande”, revela Coelho. A segurança também é reforçada. Os três soldados de São Luiz do Paraitinga recebem apoio de mais 80 policiais de cidades da região nos dias de festa.

“Se nada for feito, vai chegar um momento em que teremos 150 mil, 200 mil pessoas no carnaval. Vai ser um caos, porque isso foge do turismo sustentável”, afirma Coelho. Ele conta que a cidade tem 90 imóveis tombados pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado (Condephaat). “O patrimônio histórico é a nossa galinha dos ovos de ouro”.

A riqueza arquitetônica que está em jogo é a mesma que garante emprego e recursos para a população. De acordo com o diretor de Turismo, o carnaval é o evento que mais rende financeiramente. Por isso, a briga vai ser difícil. A prefeitura diz investir R$ 500 mil em seis dias de folia. Os turistas chegam a gastar R$ 5 milhões.

“Boa parte da população se beneficia com o carnaval. São 200 casas alugadas, é um evento que gera emprego, mas as pessoas mais idosas e com crianças não gostam muito”, afirma Coelho, que considera 10 mil por dia o número ideal de visitantes no carnaval, marcado por festa na rua, marchinhas e desfile dos bonecos gigantes. A folia começa na sexta-feira e só termina na Quarta-feira de Cinzas. Difícil vai ser derrotar a propaganda boca-a-boca. “Quem vem sempre volta e chama um amigo.”

Fonte: G1

Similar posts

5 Comments

  1. adriana's Gravatar adriana
    15 de agosto de 2008    

    sim concordo e acha que deveria ter policiaais em ruas como a da floresta alvo de uso de todo tipo de drogas,sexo e xixi na frente de idosos crianças e adolescentes…alem do desconforto de poder andar em todo centro ter mais policiamento que o normal para os dias de carnaval e alem disso preocupar com a santa casa que fica em estado deproravel de tantas ocorrencias

  2. Ana Paula's Gravatar Ana Paula
    19 de fevereiro de 2009    

    Boa Noite!

    Gostaria de saber como funciona essa taxa de R$30,00 por carro, as pessoas q deixarem o carro em estacionamentos na cidade também pagam essa taxa?

    At,
    Ana Paula

  3. 22 de fevereiro de 2009    

    Ana Paula querida,

    Essa matéria é de 2008. Se as providências deram resultado no ano passado eles devem repetir este ano também.

    Como não vimos nenhuma notícia sobre isso para esse ano, recomendamos que vc pesquise no site da prefeitura ou da secretaria de turismo de lá.

    Bom carnaval!

    abs

  4. junior's Gravatar junior
    2 de março de 2009    

    eu sou de são luis //e ñ curto o carnaval mais é um aperto um pessoal mal educado //minha namorada ñ gosta tambem os caras agarraão as mulheres se agente acha rui os cara kerem brigar ///////
    tem gente boa mais tem akeles sabe ///////

  5. ANDRÉ LUIZ's Gravatar ANDRÉ LUIZ
    10 de março de 2009    

    JÁ TIVE VONTADE DE VER O CARNAVAL DE SÃO LUIZ DE PERTO, MAS SÓ PELAS FOTOS IMAGINO A MISTURA DE DIVERSÃO E CAOS QUE DEVE SER, POR ISSO SÓ VISITO A CIDADE EM FESTAS ONDE NÃO SE COMBINA DIVERÇÃO COM DROGAS E AUSÊNCIA DE LIMITES E DE RESPEITO.
    É UMA PENA, MAS LOGO MAIS PODEREMOS VER O CARNAVAL DE SÃO LUIZ DO PARAITINGA RENDER NOTÍCIAS TRÁGICAS.
    SALVEMOS SÃO LUIZ, PRESERVEMOS A HISTÓRIA E A GENTE DAQUELA BONITA E PEQUENA CIDADE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *